domingo, 19 de janeiro de 2014

Lavínia: promessa de Deus para minha vida

À espera da princesa Lavínia
 

 Depois de tudo que passei em 2012, hoje posso dizer, sem qualquer dúvida, que minha filha é a concretização da promessa que Deus me fez ano passado, logo após um aborto espontâneo com cinco semanas de gestação.
 Quem já passou pela terrível experiência do aborto, sabe que não importa de quantas semanas a gente esteja grávida, a dor é enorme, mas nossa fé tem que ser muito, muito maior que essa dor.
 Ano passado eu questionei muito a Deus o "porque" de ter tido aquele micro aborto. Eu pensava assim: "Senhor, eu sou saudável, não consumo bebidas, nem faço extravagâncias... porque?"
 Mas qual foi minha surpresa quando, numa noite tranquila, enquanto eu fazia minhas orações, Deus me colocou uma promessa no coração, e foi muito forte mesmo: "TUDO QUE VOCÊ PERDEU, EU TE DAREI EM DOBRO NO PRÓXIMO ANO". Tomei posse daquela promessa no meu coração, e entre minha família eu testemunhei que não sabia o que seria, mas que Deus havia me feito uma promessa.
 Bem, 2013 começou, e junto com o nascer do ano, eu sentia no coração a certeza de que a promessa de Deus logo chegaria.
  Passado uns 15 dias de atraso menstrual, resolvi finalmente fazer o exame, e depois o US confirmou: EU ESTAVA GRÁVIDA! E não estava grávida sozinha... rsrsrs, minha irmã também estava! Nossa, fizemos as contas e nossas filhinhas nasceriam bem próximas... quanta alegria meu Deus!
  Bem, minha gravidez foi muito abençoada! Apesar dos meus 39 anos de idade, eu não tive problemas de pressão, cansaço, fadigas, nada...
 Quando eu estava de 5 meses, o US confirmou que seria uma menina, e confesso: CHOREI como nunca de tanta alegria... Aquela promessa de Deus se realizava ali diante de mim, e até dei esse testemunho para a médica que realizou o US, e ela ficou surpresa e perguntou qual era minha religião.

Lavínia com um dia de vida
 
  Nossa, eu via quanta "alegria em dobro"  Deus me concedia. Ser mãe agora de uma menininha também,  nossa, que benção!
  E falando em alegrias, minha sobrinha Ana Laura nasceu exatos 47 dias depois da Lavínia...
  Olhe a foto das duas que tiramos esses dias: isso é ou não é "ALEGRIA EM DOBRO"? Como não acreditar?


Ana Laura com a prima Lavínia.

  Bem, que esse meu  testemunho, possa, assim como os outros que já postei,  ajudar alguém que hoje esteja triste, deprimido, que até desistiu de acreditar na vida... Acredite: Deus nunca se esquece de você... Ele te ama!
 Deus é maravilhoso, e quem acredita,  experimenta suas promessas, que são fiéis, que não falham nunca!
 Obrigada meu Senhor e meu Deus, por sua fidelidade na minha vida e na vida de minha família... Obrigada pelos meus dois filhos, Lucas e Lavínia, que são a razão do meu viver. Obrigada pela minha sobrinha Ana Laura. TE amo Senhor, e nunca deixarei de testemunhar essa promessa Tua na minha vida!
 Fique com Deus e até breve!


quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Jales... quantas coisas boas

Hoje estou feliz, muito feliz!
 O Lucas chegou em casa com a poesia que ele venceu o segundo lugar no 2º Concurso de Poesias da Casa do Poeta de Jales, escrita em papel timbrado da Prefeitura Municipal de Jales... Nossa, que orgulho!
 Quando ele chegou em casa dizendo que faria a poesia, eu o incentivei muito, porque ele disse que
"as pessoas só viam coisas ruins na nossa cidade, mas que ele via coisas boas também", que existem, mas poucos valorizam.
 Nós,  adultos, temos dificuldades para enxergar as "coisas boas da vida", mas as crianças não... Elas tem pureza, tem verdade, e enxergam felicidade onde nós enxergamos problemas! Para uma criança, um final de semana  chuvoso pode ser maravilhoso para se molhar e divertir, enquanto prá nós seria um problemão... final de semana perdido.
 Se existe uma coisa que jamais deveríamos perder quando crescemos é a ingenuidade, a leveza da vida, a alegria de ser criança... Quem sabe a poesia do Lucas não nos ajude um pouquinho, não é verdade?
 Ei-la aqui,  espero que gostem!
 Fique com Deus e até breve!

                                 Jales... quantas coisas boas

 Tem muita gente que fala
 Que Jales só tem problema
Imagem: site da prefeitura municipal de Jales
 
 Mas eu vou provar que não
 Através desse poema

 Jales tem gente honesta
 Povo trabalhador
 Gente que faz o bem
 Mesmo sem ter valor

 Tem hospital de câncer
 Tem lar dos velhinhos
 Escolas e creches
 Que cuidam de todos com todo carinho

 Viu só o que eu disse?
 Quero ver não concordar
 Jales tem coisas boas
 Basta a gente procurar

domingo, 28 de julho de 2013

Jornada Mundial da Juventude: a semente que dará frutos

 
Nossa, eu ando sumida do meu blog mesmo... mas tenho motivos bem justos viu?
 Agora que tenho um mocinho de 10 anos, vou ser mamãe novamente! Já estou no sétimo mês de gestação, à espera da minha princesa, e confesso que estou muito feliz por ter a oportunidade de ter um casal de filhos. Muita gente diz que eu demorei demais, que "sou louca por começar tudo de novo", mas o que Deus coloca no meu coração é que "tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus". Se essa "vontade" surgiu depois de tantos anos, e se Deus quis me presentear novamente, o que devo temer?
 Bem, outro motivo do sumiço aqui do blog é que sendo blogueira voluntária da AVCC, ufaaaa,  o tempo anda curtinho viu... Mesmo estando de férias, ficamos aqui em casa dando uma ajeitada no quartinho da princesa que chega logo logo, e nessa última semana nossa atenção ficou toda voltada à JMJ e à visita do Papa Francisco aqui no Brasil.
 Nossa, estamos encantados com tudo, mas principalmente com a alegria de termos um papa tão repleto do Espírito Santo como o papa Francisco.
 Exemplo de humildade, de amor, de doação, de admoestação. O olhar de Francisco é um olhar doce, profundo, que parece inundar nossa alma da vontade de servir a Deus ainda mais, de amá-Lo ainda mais, de seguir o caminho de Jesus sem nada a temer.
 Meu coração está tão cheio de paz nesses dias que eu ousaria dizer que nosso país nunca mais será o mesmo depois dessa Jornada e dessa visita.
 Sabem o que eu vi diante daquela multidão de milhões de jovens ali às margens da Praia de Copacabana? Eu vi milhões de jovens que poderiam estar em caminhos tão errados, mas que escolheram o melhor de todos os caminhos: JESUS. Eu vi ali a esperança de um mundo mais fraterno, mais humano, mais justo, porque quantos desses jovens levarão essa mensagem para suas famílias, suas casas, escolas, universidades, ambientes de trabalho... O amor é contagiante, e esse amor que eles levarão trarão frutos tão maravilhosos que eu não conseguiria descrever todos aqui, caso quisesse.
 Confesso que vendo algumas notícias de manifestos "anti-cristãos" eu fiquei triste, pois o desrespeito é tanto, que ao ver um grupo de mulheres entituladas "marcha das vadias", jogando imagens de Nossa Senhora no chão e fazendo escárnio com objetos sagrados, é digno de pena, e não de revolta. Digo pena porque um manifesto, um protesto, seja lá o que for, não se faz ofendendo outras religiões, opções sexuais, partidos políticos. NÃO! Um manifesto verdadeiro tem que transmitir uma mensagem boa, uma mensagem que edifique os corações, e não mensagens que causem revolta, humilhação, indignação...
 Mas graças a Deus pessoas "revoltadas" assim são a minoria. E se elas tivessem consciência, saberiam que a manifestação delas não afetou em nada o sucesso da Jornada, que certamente foi a semente plantada em terra fértil, e que nos próximos anos trará muitos frutos, em nome de Jesus!
 Fique com Deus e até breve!
 
 

terça-feira, 28 de maio de 2013

Só tenho amigos chatos

imagem http://rebecacoimbra.blogspot.com
 

  É muito fácil agradar a todos: Basta engolir o que a gente verdadeiramente pensa, defende, acredita.
 Dizer a verdade é muito chato, porque a gente vira um chato, e ninguém gosta de gente chata, não é mesmo?
 Mas sabem de uma coisa? Eu prefiro ser chata, mas ser verdadeira, dizer na cara, sem meias palavras ou rodeios. Não gosto de fingimento. E gosto quando são sinceros comigo também, mesmo que não me agrade ou eu não concorde.
  É por isso que a gente gosta de ser legal. A gente sabe que ninguém gosta de amigo chato, mas a gente deveria... Estamos aqui não para agradar a todos, mas para aprendermos uns com os outros, aprendermos com nossos erros e acertos.
 Se algum dia eu magoei algum amigo(a) nunca foi minha intenção, eu simplesmente acho que falar pelas costas é uma grande covardia, então, se alguém aí quer dizer alguma coisa, sinta-se à vontade! Juro que não fico magoada, pois  como diz o  Padre Fábio de Melo:
 "MAIS VALE O DESCONFORTO DA VERDADE, QUE A COMODIDADE DA MENTIRA"
 Acho que nisso todos vão concordar comigo: é bom a gente ser o que é, seja na frente, seja nas costas, seja perto, seja longe.  Não sou perfeita, estou nesse mundo para aprender, e se quiserem falar, mesmo que seja mal, que seja na minha frente.
 Então, meu conselho hoje é:  Não seja hipócrita em querer apenas AMIGOS LEGAIS. O melhor amigo que alguém pode ter é um AMIGO CHATO, sabe porquê? Por que ele não te bajula ou só diz aquilo que  te agrada... Amigo(a) verdadeiro é  aquele que é sincero com você.
 Já imaginou como seria bom se todos fôssemos assim? Certamente, haveria mais pessoas felizes fazendo os outros felizes também...
 Posso dizer que sou agraciada, porque tenho um monte de amigos(as) chatos(as)...
 Como é bom tê-los, sejam os de perto ou os de longe... Ter esses amigos(as) chatos(as)  é como possuir um tesouro, o qual sei que levarei pelo resto da vida em meu coração...
   Fique com Deus e até breve!